24 de jul de 2011

AMY WINEHOUSE E A "OCULTA" GRAÇA DE DEUS.

A cantora Amy Winehouse foi encontrada morta em sua casa, em Londres, neste sábado (23), segundo a polícia de Londres. A cantora vinha enfrentando uma longa batalha contra as drogas e o álcool que vinham ofuscando sua carreira nos últimos anos. Um dos seus principais hits, "Rehab", falava sobre suas constantes idas às clínicas de reabilitação.
Era frequente ver a artista e o marido farreando na noite londrina, sempre muito bêbados e machucados. Certa vez Amy foi fotografada muito transtornada apenas de sutiã e calça jeans. Janis, a mãe de Amy, nunca aprovou a genro e sempre disse que ele foi a causa da destruição da filha e que ela não se surpreenderia, se Amy morresse jovem devido aos excessos de entorpecentes e álcool.
Após sua morte Amy passou a integrar o chamado Clube 27. Que tem como membros outros grandes nomes da músicas que curiosamente também faleceram aos 27 anos de idade. Fazem parte do clube Jimi  Hendrix, Janis Joplin, Jim Morrison e Kurt Cobain. Celebridades que morrem por excessos no auge de sua carreira e vida pessoal.
Em algumas das músicas de Amy, você pode ouvir a dor, a mágoa, os desafetos e desesperos gritando do fundo de sua alma, através de sua bela voz. Mas, mais do que talento, Amy tinha sede, sede de algo..? (Nós chamamos de Deus). Apesar da grande fama, claramente ela vivia um vazio existencial fortíssimo. 
Sabemos que o uso de substâncias ou qualquer forma de auto-flagelação são sintomas de problemas mais profundos. Comportamentos como o dessa menina refletem desesperadamente indivíduos procurando preencher o buraco existencial que todo ser humano tem no fundo da sua alma. 
Quando Deus não é convidado para preencher esse buraco existencial, muitas pessoas tentam preencher o vazio com outras coisas ... álcool, drogas, sexo, ou coisas materiais. A lista é tão variada quanto as mágoas que sufocam a vida de artistas e anônimos. Esse mal, aflige, ricos e pobres, negros e brancos, enfim, ninguém escapa dessa necessidade quase que “fisiológica” da alma.
Mas o que Amy e muita gente não sabe, é que ao contrário do conhecimento popular, o Amor e a Graça de Deus se estendem aos lugares mais escuros e impenetráveis. Muitas vezes, nos momentos da mais intensa escuridão, é que a Graça de Deus e o seu Amor são manifestos. A luz se manifesta sobre as trevas, quando em trevas, temos o desejo de encontrar a luz. Não precisamos atravessar a morte para encontrar a Vida, podemos encontrá-la aqui e agora! Esta é a boa notícia que Jesus nos deixou através da sua oferta de Graça e Amor, em suas palavras: "Vinde a mim, todos vós que estais cansados e sobrecarregados, e eu vos aliviarei" (Mateus 11:28).
Apesar de muitas pessoas não pensarem nisso, a morte também é uma escolha que fazemos em vida. Podemos morrer mesmo estando vivos. Foi isso que Amy Winehouse fez, escolheu a morte, ainda enquanto estava viva. E cada escolha possui consequências eternas, algumas delas são insuportavelmente pesadas. Por isso precisamos aliviar este fardo com Cristo, sem Ele é impossível manter a nossa vida no eixo da existência, sem Ele é impossível ter vida!

18 de jul de 2011

SAIA DA CRUZ! EM NOME DE JESUS! ...COMO ASSIM?

Infelizmente o tom produzido por pregadores evangélicos em muitos cultos hoje prestam um desserviço ao Evangelho de Jesus. Muitos escritores hoje induzidos a ter sucesso rendem-se ao mercantilismo gospel. Pastores comprometem suas igrejas e denominações em busca de uma lugar no “hall” da fama evangélica. Pregadores dantes bíblicos, agora alardeiam manuais de auto-ajuda para se tornarem populares. Adoradores que se tornaram artistas, com caches e assessores diversos, vendilhões do templo dos dias atuais. Enfim, um evangelho que nos convida à fugir da cruz, é o evangelho pregado em nossos dias. Desculpem minha indignação, mas este evangelho “vendido” hoje, é o evangelho diferente que Paulo alertou aos gálatas (Gl 1:6-10)
Esse evangelho que foge da cruz, é um evangelho que oferece mais ofertas do que demandas, prega mais o materialismo do que a espiritualidade. É o evangelho da graça barata, da realização pessoal em detrimento de tudo que a Bíblia ensina. Sermões baseados em uma “frase de efeito”, sem exegese, sem nenhum critério teológico, pautado nas emoções de um público cativo, enredado por uma pregador com um currículo de “animador de auditório”. Uma audiência viciada em novidades e modismos circunstânciais  que nega a cruz e é amicíssima do mundo.
Esse evangelho que nega a cruz, enche estádios, templos e salões de todo tipo, mas não é capaz de produzir gente transformada. Esse é o alvo do Evangelho de Cristo, a nossa transformação. Por isso só um existe um Evangelho, e um molde, Cristo, o qual devemos nos espelhar. Igrejas hoje são produzidas ao “gosto do freguês”, satisfazendo necessidades pessoais. Jesus jamais mudou um pequeno ponto de sua mensagem para conquistar seus ouvintes. Pelo contrário, eram os ouvintes que precisavam da mensagem, e não a mensagem de ouvintes.
Segundo a tradição popular, há um ditado que diz que “o diabo foge da cruz...”. Creio portanto que esse evangelho que convida a fugir da cruz, é um evangelho diabólico, e não o verdadeiro Evangelho. Usar Jesus para nos tirar da cruz e da necessidade de sermos transformados dia a dia é um recurso claramente mentiroso e demoníaco. Cuidado com esse tipo de evangelho, muito cuidado!

17 de jul de 2011

FOSSABOOK - REDES SOCIAIS SÃO UMA BENÇÃO?

Acredito que a cada dia o Facebook se torna a grande rede social entre as redes sociais existentes. Hoje ele possui mais de 400 milhões de usuários no mundo inteiro. Uma pesquisa recente mostrou que 40% desses usuários usam perfis falsos. Isto significa que uma boa porcentagem dos “amigos” que adicionamos, realmente não são quem dizem ser. Com estas pessoas que não conhecemos, compartilhamos fotos de nossas férias, filhos, casamento, enfim, uma série de informações pessoais que circulam livremente no Facebook.

Recentemente um pastor de Nova Jersey identificou casos de infidelidade entre os casais de sua congregação. Ele afirma que alguns maridos e esposas, através do Facebook, re-encontraram antigos namorados e a rede tornou-se uma porta aberta para reviver antigas paixões da adoslecência. Algumas pessoas nos EUA, também informaram que perderam vagas de emprego por causa do Facebook. Ao terem seus perfis pesquisados na rede, perceberam que informações que postaram lá, voltaram-se contra elas. As empresas levaram em conta informações e fotos que comprometiam o curriculum do candidato.

Enfim, o maior problema das redes sociais estão além da falta de privacidade. Quando usadas em excesso, elas deixam o indivíduo alienado. O risco de despersonalização é iminente de acordo com os estudiosos de psicologia. Muitos jovens possuem mais amigos virtuais do que reais. Muitos usuários acreditam que a existência virtual reflete a existência real e se eximem de autocrítica, vivendo uma vida paralela, acreditando que esta é a vida real.

Na verdade muitos perfis alegres e “interessantes” vivem numa fossa existencial real, isolados de tudo e de todos. As redes sociais possuem grande potencial quando usadas em movimentos de justiça social e opinião pública, mas como alvo existencial e rede de relacionamentos, creio que ela é péssima e esta longe de ser uma benção, criando seres “sociopatas”, por isso vemos constantemente crimes que começam na internet e acabam com vidas e sonhos frustrados. Se no mundo real somos capazes de esconder as nossas fraquezas e frustrações, o que somos capazes de fazer no mundo virtual? Acredito que esta deve ser a pergunta a ser feita, quando olhamos o perfil ou aceitamos alguém em nossa rede de amigos virtuais.

13 de jul de 2011

HUMOR COM GRAÇA - PORTUGAL, QUEM ENTENDERÁ?

"Sim, coisas grandiosas fez o Senhor por nós, por isso estamos alegres" (Sl 126:3)
Um pouco de humor faz muito bem pra saúde do corpo e do Espírito. Amo Portugal e este povo maravilhoso. Como a grande maioria sabe, eu sou português de nascença. E admito que em Portugal existem certas expressões que não existe em nenhum outro lugar do mundo. Além da deliciosa comida portuguesa, as expressões e percepções dos portugueses são mundialmente famosas. Não é à toa que se fazem muitas piadas de portugueses, e muitas das coisas se contam, são em parte, verdadeiras.
Os textos que captei para este post são totalmente fidedignos, fruto da brincadeira de um médico amigo, (brasileiro, pra variar) que foi dar umas palestras em Portugal. Ele extraiu estes textos, das embalagens de produtos de alguns Hipermercados Portugueses. Vamos lá, ô pá!
Na embalagem do sabonete anti-séptico Dial:
'INDICAÇÕES: UTILIZAR COMO SABONETE NORMAL'
(Boa! Cabe a cada um imaginar pra que serve um sabonete anormal)

Num secador de cabelos:
'NAO USE QUANDO ESTIVER DORMINDO'
(Sei lá, a pessoa pode querer ganhar tempo)

Em alguns pacotes de refeições congeladas Swan:
'SUGESTÃO DE APRESENTAÇÃO: DESCONGELAR PRIMEIRO'
(É só sugestão, tá ok? De repente o pessoal pode estar a fim de chupá-las como picolé)

Numa touca para a ducha:
'VÁLIDO PARA UMA CABEÇA'
(Alguém muito romântico poderia colocar a sua e a da amada na mesma touca)
No pudim da Marks & Spencer:
'ATENÇÃO: O PUDIM ESTARÁ QUENTE DEPOIS DE AQUECIDO'
(Brilhante!)
Na embalagem do ferro de passar Rowenta de fabricação alemã:
'NÃO ENGOMAR A ROUPA SOBRE O CORPO'
(Gostaria de conhecer a infeliz criatura que não deu ouvidos a este aviso)
Nas pastilhas para dormir da Nytol:
'ADVERTÊNCIA: PODE PRODUZIR SONOLÊNCIA'
(Pode não, deve! Foi prá isso que eu comprei)

Nos pacotes de amendoim da Sainsbury:
'AVISO: CONTÉM AMENDOINS'
(Mania de estragar as surpresas!)
Numa fantasia infantil de Super-Homem:
'O USO DESSE TRAJE NÃO O TORNA APTO A VOAR'.
(Olha como isso destrói a imaginação da criança!)

Bem, férias em Portugal é diversão garantida. Brincadeiras a parte, um país lindo! Que Deus abençoe os portugueses, brasileiros e todas as nações desta terra, e que cada um tenha uma semana mais engraçada (cheia de Graça) para Honra e Glória de Nosso Senhor Jesus Cristo.

7 de jul de 2011

QUEM PODE NOS CURAR? DEUS, OS MÉDICOS OU OS REMÉDIOS?

Existe sempre uma grande dúvida por parte dos cristãos e até não cristãos, em relação a cura miraculosa operada nos cultos a Deus. Deus pode nos curar? Ao mesmo tempo, devemos procurar médicos quando somos infligidos por doenças? Devemos tomar remédios, mesmo depois de termos feito orações pedindo nossa cura?
Uma grande confusão existe em relação e estas e outras derivadas perguntas sobre o tema. Preciso esclarecer que devemos interpretar a Bíblia e a vida com equilíbrio, fé e bom senso.
Se partirmos do princípio de que tudo que existe se deve ao Poder e Graça do Criador, logo chegamos a conclusão de que, os três podem nos curar, a saber; Deus, os médicos e os remédios. Porém, toda a glória pela cura deve ser dada somente à Deus. Por quê? Vejamos!
Deus desenvolveu toda a qualidade de plantas medicinais e agentes curativos encontrados na natureza.  Deus também desenvolveu a inteligência e a capacidade do homem de encontrar soluções a partir das coisas criadas, e o estudo das mesmas. Logo, os remédios e receitas curativas existentes, são fruto primeiramente da mente criadora divina em conjunto com a mente inteligente do homem. Portanto não há nenhum mal em tomar remédios para encontrar a cura, desde que acompanhados pelo médico e pelos exames clínicos competentes.
Os médicos e a medicina, também são um presente de Deus dado a humanidade, pois eles representam a capacidade de cura dado ao homem por Deus. Obviamente sabemos que a medicina não possui a solução para “todas” as doenças, mas nos foi dado “um nível” de cura natural, alcançado através da pesquisa laboratorial e da observação das doenças desenvolvidas na humanidade. Neste caso os médicos podem também curar o homem e serem um instrumento humano operando propósitos divinos.
Claramente, a mais efetiva e eficaz cura acontece pela fé no Deus Todo Poderoso, que pode nos curar de toda e qualquer doença, conhecida pelos médicos ou não, mas isso não é objeto de estudo, e sim exercício da fé em Deus. Uma experiência pessoal e única. Cada caso é um caso, com suas particularidades e nuances!
Portanto a conclusão a pergunta é; Os três podem nos curar! Deus, os médicos e os remédios. Mas independente da fonte da cura, tudo isso só é possível por causa da bondade de Deus e da sua suficiência na Criação. Somos agradecidos aos médicos e aos laboratórios de pesquisa científica, mas a Graça e a Glória pela cura, é única e exclusiva do Nosso Deus. Jamais deixe de ir ao médico, de tomar seus remédios, e de orar a Deus, um dos três ou os três juntos podem lhe dar a benção de ser curado de uma enfermidade.
A Ele toda a Glória!

4 de jul de 2011

UPGRADE ESPIRITUAL

É óbvio que a tecnologia domina a nossa vida hoje, mais do que em qualquer outro momento da história. Por isso seria também interessante pensar em um *upgrade espiritual, porque estamos entrando em uma nova temporada de alta definição do cristianismo.
Assim como os velhos sistemas analógicos não serão mais eficazes e nossas antenas no telhado não terão nenhum valor. Assim acontecerá com as velhas percepções cristãs sobre o mundo em que estamos inseridos. Precisamos nos atualizar. Hoje as televisões digitais fornecem imagens drasticamente mais claras e a melhor qualidade de som. Também o Espírito Santo está lançando uma atualização sem precedentes espirituais com clareza e um novo som para aqueles que estão prontos para receber e atender as demandas de uma nova sociedade, de um novo mundo.
Precisamos aceitar que através da herança deixada por Adão, nosso sistema operacional é falho. Possuímos uma mente defeituosa e sem anti-vírus instalado (Palavra de Deus), que é hostil a Deus, conforme 2 Coríntios 4:4. Nossa mente natural rejeita o caminho da vida revelada no Antigo e Novo Testamentos. Mas nós, fomos criados para sermos "participantes da natureza divina”, 2 Pedro 1:3-4. Estamos destinados como filhos de Deus para sermos “herdeiros de Deus e co-herdeiros com Cristo", Romanos 8: 17. Sabemos que tudo muda, nosso corpo, nossa consciência, nossa mentalidade, e naturalmente nossa espiritualidade. Precisamos de atualizações constantes na esfera espiritual. Estamos em constante mudança e expansão, para melhor ou pior, depende muito da nossa conexão com o que nos cerca, Deus ou o este sistema de valores que domino o mundo.
Existem dois grupos distintos de pessoas no mundo. O primeiro grupo são aqueles que constantemente refletem na vida e prestam atenção para onde seus atos estão o levando. O segundo grupo são aqueles que não param na vida para refletir para onde estão indo, como se estivessem dormindo de pé, em stand by.
Portanto, se você faz parte deste segundo grupo, você precisa urgentemente de um “Upgrade Espiritual”, você precisa atualizar sua relação com Deus.

* O termo Upgrade é utilizado em Informática com o significado de atualizar, modernizar; tornar (um sistema, software ou hardware) mais poderoso ou mais atualizado do que antes, adicionando novas peças ou componentes ou trocando-os por outras, mais potentes, ou atualizando o software para sua versão mais moderna, que significa, na prática, melhorar o seu equipamento, torná-lo mais potente e com configurações melhores.

COMPARTILHE

SAIR DA IGREJA LOCAL OU LUTAR POR ELA?

Há uma grande realidade acontecendo todos os domingos em milhares de igrejas no Brasil e quiça no mundo. Pessoas estão saindo de um mini...