SOBRE DIZIMAR OU NÃO DIZIMAR! NÃO É UMA QUESTÃO DE GRANA, MAS DE CORAÇÃO!

Creio no Dízimo, obedeço o dízimo e procuro sempre contribuir, quando posso, com algo além do dízimo. Mas existem muitas pessoas que não concordam com o dízimo, e eu respeito a opinião delas. O que me entristece como pastor, não está no fato de não quererem dizimar, mas em aproveitarem-se do fruto dos dízimos de outros irmãos. Eu explico:

Estacionam o carro, muitas vezes, num terreno comprado com o dizimo dos outros, ou então o seu carro estacionado na rua e sendo observado por um segurança que é pago com o dízimo de outros.

Sentam-se numa cadeira que foi comprada com o dízimo de outros. Usufruem do ar condicionado, que foi comprado com o dízimo dos outros. Bebem água em um copo descartável que foi comprado com o dizimo de outros. Usam as instalações dos banheiros, toalhas, papel, descarga, tudo comprado e pago com o dízimo de outros. Assistem os cultos pela internet, que é paga com o dízimo de outros. Num templo, com todos os seus gastos, água, luz, telefone, limpeza, contabilidade, funcionários, etc. Tudo pago pelo dízimo de outros. Até o pastor que ele chama de "ladrão", pasmem, sustenta a sua família com o dízimo dos outros.

Ok! Se você não concorda com o dízimo, mas seja no mínimo honesto consigo e com os outros. Ao entrar numa igreja pra dizer que o dízimo é uma farsa, você se torna um ladrão. Usufrui do que não é seu como se tivesse direito em alguma coisa. O ladrão é acima de tudo um usurpador, tal qual Judas! Ladrão! 

Mas a pessoa que não concorda com o dízimo não é apenas um ladrão, mas uma vítima de Mamom, um escravo, um boneco da ganância. Ela não dá por que não pode! Não pode porque não é dona das coisas dela. As coisas é que são donas dela. Ela não tem nada, são as coisas que a tem. Mamom é o seu deus. Ela é controlada por ele, e ele não deixa ninguém ser livre.

Só reclama quem não pode! Só acha ruim quem não dá. Porque quem é livre dá liberalmente, dá com alegria, participa dos gastos do templo. Ajuda nas frentes sociais. Abençoa a vida de pessoas. Sabem que o dízimo não é uma obrigação, mas uma CELEBRAÇÃO…pois dão com alegria! Sabem que dizimar é o direito que Deus nos dá de DAR! Não importa se você é rico ou pobre…mas GRATO com o que possui. É um questão de coração não de grana!

Enfim, a pessoa que não dizima não é apenas alguém que é ladrão e escravo de Mamom, mas ignorante. Ignorante porque não conhece a Bíblia. Diz que dízimo é algo do AT. Diz que não estamos na época da Lei. Que o AT caducou. Mas gosta de comparar a sua fé com a fé de Abraão, de Moisés e de Davi, fica citando Salmos quando o calo aperta, e não sabe que essa era a Bíblia que Jesus lia, pois na época de Jesus (que ele diz ser seguidor) não havia ainda o NT. A Bíblia de Jesus era o AT. Dizimar é tão somente um ato de amor pelo sonho de Deus, de fazer seus discípulos irem pelo mundo todo pregando o Evangelho.

Portanto eu, como pastor que sou, a partir de hoje não vou ficar preocupado em orar pelos dizimistas, pois sei que eles estão em boas mãos. Estão sendo cuidados e abençoados por Deus por serem fiéis. Quero mesmo é orar pelos ladrões, ignorantes e escravos de Mamom, pois esses precisam muito que Deus os tire da cegueira espiritual em que se encontram.

A Deus toda a Glória.

Bruno dos Santos

3 comentários:

Vânia M. G. Souza disse...

Semana passada ouvi algo pertinente a sua postagem: "Se não obedeço a ordem do Senhor quanto ao dízimo, não posso declarar que o Senhor é meu Pastor e nada faltará - Salmo 23".

Marcelo Costa disse...

O VERDADEIRO DÍZIMO É AJUDAR E ALIMENTAR OS POBRES E NECESSITADOS!

NÃO DEIXE QUE NINGUÉM VOS ENGANE, POIS NESSES TEMPOS FINAIS MUITOS FALSOS PROFETAS TEM SE APROVEITADO PARA ACUMULAR DINHEIRO A CUSTA DAS BOAS VONTADES DOS FIEIS (QUE INFELIZMENTE ESTÃO SENDO ENGANADOS).

A OBRA DO ALTÍSSIMO SEMPRE FOI DIVULGAR GRATUITAMENTE!
O CRIADOR É HUMILDE! O MAIOR EXEMPLO FOI O NOSSO MESTRE, REI DOS YAHUDIM QUE ENTROU NA CIDADE MONTADO NO JUMENTO, FOI HUMILHADO E EXECUTADO PARA A REMISSÃO DE MUITOS, POR AMOR AO PAI E AO MUNDO!

ELE DEU UMA MISSÃO PARA OS SERVOS FIEIS: AJUDAR AO PRÓXIMO! ALIMENTAR AOS NECESSITADOS E NÃO HÁ TEMPLOS OU ALGUÉM USANDO A OBRA DO CRIADOR PARA ARRECADAR DINHEIRO!

DEVEMOS VIVER A CUSTA DO SUOR DO NOSSO TRABALHO, E NÃO DA OBRA DO ALTÍSSIMO!

“Quem é o mordomo fiel e prudente, a quem o seu patrão encarrega de tomar conta dos outros servos, para dar a eles o alimento no tempo certo? Bendito aquele servo que estiver fazendo o seu trabalho quando o seu patrão chegar! Em verdade lhes digo que o patrão vai colocá-lo como encarregado sobre todos os Seus bens.” (MATITYAHU – Mateus 24:45-47)

“Quando o Filho do Homem vier em sua glória, com todos os anjos, então, se assentará em seu trono na glória nos céus. Todas as nações serão reunidas diante dele, e Ele irá separar umas das outras, como o pastor separa os bodes das ovelhas. E posicionará as ovelhas à sua direita e os bodes à sua esquerda.” (MATITYAHU – Mateus 25:31-33)

“Então, dirá o Rei a todos que estiverem à sua direita: ‘Vinde, abençoados de meu Pai! Recebei como herança o Reino, o qual vos foi preparado desde a fundação do mundo. Pois tive fome, e me destes de comer, tive sede, e me destes de beber; fui estrangeiro, e vós me acolhestes. Quando necessitei de roupas, vós me vestistes; estive enfermo, e vós me cuidastes; estive preso, e fostes visitar-me’. Então, os justos desejarão saber: ‘Mas, Senhor! Quando foi que te encontramos com fome e te demos de comer? Ou com sede e te saciamos? E quando te recebemos como estrangeiro e te hospedamos? Ou necessitado de roupas e te vestimos? Ou ainda, quando estiveste doente ou encarcerado e fomos ver-te?’. Então o Rei, esclarecendo-lhes responderá: ‘Com toda a certeza vos asseguro que, sempre que o fizestes para algum destes meus irmãos, mesmo que ao menor deles, a mim o fizestes’.” (MATITYAHU – Mateus 25:34-40)

“Mas o Rei ordenará aos que estiverem à sua esquerda: ‘Malditos! Apartai-vos de mim. Ide para o fogo eterno, preparado para o Diabo e os seus anjos. Porquanto tive fome, e não me destes de comer; tive sede, e nada me destes de beber. Sendo estrangeiro, não me hospedastes; estando necessitado de roupas, não me vestistes; encontrando-me enfermo e aprisionado, não fostes visitar-me’. E eles também perguntarão: ‘Mas Senhor! Quando foi que te vimos com fome, sedento, estrangeiro, necessitado de roupas, doente ou preso e não te auxiliamos?’ Então o Rei lhes sentenciará: ‘Com toda a certeza vos asseguro que, sempre que o deixastes de fazer para algum destes meus irmãos, mesmo que ao menor deles, a mim o deixastes de fazer’. Sendo assim, estes irão para o sofrimento eterno, porém os justos, para a vida eterna”. (MATITYAHU – Mateus 25:41-46)
SHALOM AMADOS IRMÃOS NA VERDADE!
QUE O ETERNO CRIADOR E NOSSO MESTRE NOS DÊ A PLENA CONDIÇÕES SUFICIENTES PARA NOS ALIMENTAR E PODERMOS AJUDAR AO PRÓXIMO.
AJUDAR AO PRÓXIMO É AMAR A ELE! POIS ELE AMA AS PESSOAS!

Paulo Marques da Silva disse...

Se é para cobrar dízimos, porque não seguir literalmente a lei dos dízimos dada pelo próprio Deus em (Deuteronômio capítulos 12 ao 14, pois segundo me consta não houve nenhuma outra legislação em o Novo Testamento. Quem autorizou aos pastores (Que não Levitas) a criarem uma nova legislação a respeito deste particular? ( E os que dentre os filhos de Levi recebem o sacerdócio têm ordem, segundo a lei, de tomar o dízimo do povo, isto é, de seus irmãos, ainda que tenham saído dos lombos de Abraão.(Hebreus 7.5)